Assimetria

Foto by Bukowski
Eu odeio o amor
E em nada tema ver contigo
Com o beijo denegado
Ou o abraço repelido
Eu odeio o amor
E em nada diz respeito às suas noites
Que em nada tiveram a ver comigo
Zero atribuído a você
Que venera o desconhecido
Tanto quanto eu queria que me desejasse
Eu odeio o amor
E nada você poderia fazer
Senão me desse você
Se não me abominasse.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *