Miniconto 76* – Fantoche do amor

Nas costas, a única coisa que a prendia ao seu amado: os cordões de controle da marionete.

2 thoughts on “Miniconto 76* – Fantoche do amor

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *