Miniconto O – Bodas de Lata

Ostentava o objeto com a obsessão de um onipotente. Olga, ofendida, obliterava a obscuridade do marido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *