Miniconto 8* – Infortúnia Sorte

Perdeu seus amigos, esposo e cão. Jogou numa Roleta Russa. Permaneceu viva. O ditado havia mudado: sorte no jogo, azar na vida.

4 thoughts on “Miniconto 8* – Infortúnia Sorte

  1. Que síntese, em tão poucas palavras, descreve a solidão, o tempo moderno-desesperado em que a sociedade vive. Ao mesmo tempo retrada a vida da burguesinha andando com seu cão e, talvez, o texto mostra vida de alguém que ficou pobre. Jogar na roleta russa pode ser o desafio de encarar a pobreza, para quem nunca foi pobre. já a sorte no jogo – ela ficou viva, mas em azar. rs… Perdeu o esposo. Quem sabe talvez, o esposo represente a simbologia entre o dinheiro e o homem. Não sei, mas o texto diz bem mais do que isso que escrevi.

  2. Puxa vida Adê ! Você leu o meu miniconto mais que eu mesma. Foi mais ou menos tudo isso que você descreveu que eu quis dizer. Mas como a sua leitura foi tão mais bonita que a minha própria escrita, então nem vou explicar nada .. Obrigada por passar por aqui 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *