“Yes, Man!”

Vale a pena ver “Yes, Man!” no cinema? Sim, Senhor!

Quarta feira sempre pede cinema certo ? Mais barato e mais vazio que nos finais de semana, então aproveitei a minha última semana livre 🙁
Mesmo sendo suspeita pra falar (eu sempre rachei de rir com as caras e bocas do Jim, ainda que sejam as mesmas caras e bocas em todos os filmes), não posso deixar de reforçar : ele está realmente muito, muito engraçado nesse .. misturando o sarcasmo característico dele e até um pouco de seriedade, dessa vez ele não é um completo palhaço debilóide – com o perdão do trocadilho – como na maioria dos filmes que marcaram sua carreira, obviamente, ser debilóide não tira o mérito de suas atuações.

Hmm, o filme já ganhou a mim pelas paródias que foram feitas com Harry Potter, me identifiquei com o ator que faz o Rony, não sei porquê. Hehe

Bom, é isso.
Rs, poderia mesmo falar apenas isso pois o filme não tem nada de tão extraordinário, de tão diferente dos mas é melhor que uma porção de comédias que lançaram nos últimos tempos: tem nexo, um pouco de romance (na dose – e química – certa), boas piadinhas e… bom , tem o Jim Carrey mostrando sua excelência em comédia 😉

Se você é daqueles que acredita na reação do público como medidor de uma boa arte, então devo ressaltar :
1 – A sala explodia em riso quase o tempo todo
2 – Chegaram a bater palma em uma das cenas (não conto, não conto)
3 – As expressões que se ouviam no final eram : “Muito bom!”, “ Vou trazer fulano pra ver!”, “ Ele ( Jim) é o melhor!”

Bom, é isso. (tive uma professora que dizia pra eu nunca concluir uma coisa dizendo “ É isso.” … hmmm … desculpe Professora.)

“Sim, senhor!” é um ótimo programa pra um fim de dia estressante no trabalho, ou pra um dia tedioso pra quem está de bobeira, afinal, não é todo dia que se pode ver o Terrence Stamp correndo 😛

Saiba mais em: Omelete.

3 thoughts on ““Yes, Man!”

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *